6 de ago de 2008

Coincidência?


Em Lost, algumas pistas são meramente especulativas. Outras, simplemente pistas falsas. Já, uma pequena parte é realmente peça do quebra-cabeça criado pelos roteiristas e que conduzem, de fato, ao mistério central. Separar o joio do trigo faz parte do jogo e deixa a brincadeira ainda mais bacana.
Em uma destas categorias pode se encaixar o fato das mães de duas figuras exponenciais da Ilha terem o mesmo nome.
Benjamin Linus e John Locke - comandantes do passado e do presente - (pelo menos o presente que usamos como referencial, pois sabe-se lá quando a Ilha foi parar após ser movida) são filhos de uma Emily.
A desvairada bipolar Emily Annabeth Locke gerou o bom moço e sempre ingênuo John, enquanto a doce Emily Linus presenteou o mundo com o estrategista psico Benjamin Linus.
Simples coincidência?
Parece difícil acreditar que seja.
Já pensei na hipótese de serem a mesma pessoa. A bipolaridade explicaria a mudança de temperamento e a cronologia ajuda. Mas fica difícil explicar como seria forjada a morte de Emily Linus. Além disto, a aparição dela para Ben na Ilha parece comprovar sua morte.

Pesquisando sobre o nome, encontrei as seguintes definições em um fórum da Lost Brasil: Emily: Forma inglesa de Emília. Emília: Uma das fontes diz que o nome vem o latim e significa "admirando", outra fonte diz que Emília significa "Aquela que é trabalhadora e ativa".
Nada muito explicativo também.

Uma explicação plausível seria a existência de uma profecia na mitologia da Ilha sobre o destino do local que envolva o nome como possível genitora do "escolhido" para comandar o local ou reverter um destino indesejado.

Ou não....

Alguém se habilita?

Nenhum comentário:

Mais e mais

Related Posts with Thumbnails