8 de mai de 2009

Prelúdio do ato final

Follow The Leader - S05E15


Então chegamos ao último ato. Não da série, mas daquele derradeiro movimento que nunca mais se verá. Hoje esperamos pelo fim de uma temporada quase perfeita, com ansiedade, mas com sensação de continuidade. Seja o que for que acontecer na próxima quarta, teremos meses de espera, mas que serão acompanhados da certeza de que por pior que pareça a situação, ela pode ser revertida na sexta temporada.
No ano que vem, a estas alturas, estaremos nos preparando para nos despedir de Lost. E o fim da temporada será definitivamente o fim....

Divagações à parte, tivemos um prelúdio realmente de arrepiar. Com todos os ingredientes que fazem de Lost a melhor série já feita. Com a certeza de que seja lá o que esperamos do fim de temporada, será surpreendente.
O episódio foi tenso. E me deixou confusa. Nesta altura, não sei o que Locke quer, não sei quem é o líder do título, nem acredito mais na total neutralidade de Richard, como acreditava. As intenções estão escusas.
O que é certo - ao menos por enquanto - é que gosto deste Jack. E sim, eu também tentaria desfazer toda aquela loucura. Tentaria apagar as mortes, os sofrimentos. Porque não foram poucos. E por que quantas vezes na vida, nós não gostaríamos de poder voltar um pouco e reescrever nossa história. Acho que todo mundo tem ao menos um momento que gostaria de refazer.
E gosto da postura dele. Gosto do amor próprio que demonstrou para Kate. Afinal, quantas vezes ela o magoou? Quem pode o culpar por querer nunca a ter conhecido?

Já de James, sinto uma pequena distância agora. Parece que ao ingressar na Dharma e vestir aquele uniforme (horroroso) ele deixou para trás parte da essência de ser um lostie. Foi um apego exagerado. Não se pode culpa-lo por querer fugir do seu passado. Mas algo se perdeu. Ainda não sei exatamente o que, mas se perdeu.
E enquanto sinto alívio por ver que a Dharma ficará para tras, a apresentação dos tuneis subterrâneos da Ilha dão uma pequena mostra do que nos espera em 2010! Que venha logo.

No presente, Locke parece também não ser mais Locke. Aliás, poucos ainda são o que foram. Se ele blefa, se enlouqueceu, se está mais perdido do que nunca ou se finalmente está no caminho, só saberemos semana que vem.
Ben é Ben. Ben lying to us. Alguém duvida?

Cada vez mais acredito que uma grande reviravolta pode realmente ocorrer com a mudança do futuro. Não deve ser definitva, ou seja, já não acho que o fim da série terá necessariamente ligação com este caminho da trama do momento. Mas nesta altura também eu já aprendi que especular sobre Lost não nos leva a nada....Mas que é divertido.... é.

Foi ótimo:

- Jack e o subterrâneo da Ilha.

- Jughead - eu explodiria só para me livrar dos hippies chatos. Só salvaria dr. Chang.

- Locke salvando sua outra versão. Estas cenas que unem acontecimentos passados com o presente e nos situam são aposta certa de sucesso. Não da para errar...mesmo que a bússola continue sendo um paradoxo.
Interessante também foi ver pela primeira vez Richard confuso e seguindo orientações.

- Kate chegando ao submarino após a romântica declaração do casal James/Juliet. Assombração?
Confesso, que apesar de torcer descaradamente para Suliet e Jate, achei providencial aquela presença ali. Afinal, é preciso ter emoção, não....

Foi péssimo:

- Continuo achando péssima e deslocada a atuação de Radzinsk. É desconexa. Ele faz caretas ridículas em momentos de menor tensão, age com frieza quando não precisa...não conseguiu criar uma personalidade convincente. Saudades do Keamy....
Aliás, este elenco da Dharma não se conectou com a série.
E ficou bastante confuso entender a hierarquia e o sistema organizacional deles. Toma o poder quem fala mais alto, é isto?


6 comentários:

Kaká disse...

O pessoal da Dharma é hippie, não tem hierarquia. hahahaha. Eu espero que mostrem a cena que o Radzinski dá um tiro na cabeça.

Faz sentido o Sawyer ter se conectado a Dharma, ele passou três anos na mordomia, com os losties ele só passou 3 meses.

Eu estava até gostando do novo Jack, mas achei um pouco egoísta dele querer apagar tudo, a coisa não ia ser nada boa para muitas outras pessoas (a Kate ia presa, o Hurley is continuar um azrado, o Locke ainda ia estar na cadeira de rodas, o Michael ia estar vivo, etc). Mas também respeitei o amor próprio que ele demonstrou, quem sabe eu volto a gostar do novo Jack.

contando as horas para próxima quarta.

KA disse...

Hahahahahaaha!! Boa Kaka!
Eles são hippies. Tinha esquecido!!!
Também aguardo ansiosamente o tiro na cabeça do feioso. Acho que ele se matou porque não se aguentava.
Abs

THIAGO PAULO disse...

Nossa, muito bom o episódio, agorea imagina como vai ser o último?! Nem dá para imaginar, só sabemos que vamos pirar. Sabe o que mais gostei nesta temporada? A troca de papeis, veja bem: Na 1,2,3 e 4 temporada os Outros sabiam sobre tudo e nada contavam... Na quinta os sobreviventes é que sabem, os sobreviventes é que desapareceram do nada... Isso é demais!

Espera até quarta vai ser difícil!

Abraços!

tdseries.com.br disse...

Oi, Ka!

Que episódio sensacional foi este, hein? Lost é mesmo um seriado único. Nunca assisti nada com tanta ansiedade, com tanta surpresa! E olha que já assisti muitos seriados! risos

Ainda estou divagando aqui sobre Richard. De início, ele parecia um personagem mágico, que tinha livre trânsito pelo tempo, indo e vindo quando bem quisesse. Parecia que ele sabia de tudo, sobre Locke desde seu nascimento, sobre o momento em que Locke apareceria com a perna ferida. Mas não, ele não viaja no tempo, ele não sabe tudo! Ele "só" não envelhece. Quem diabos é então o "conselheiro" Richard Alpert?

E ver Locke guiando Richard e Ben já valeu a temporada toda!

Que venha o "season finale", com todas as suas surpresas e insanidades que tanto adoramos!

Um abraço!

Adelson

Gabriel Henrique disse...

Fala KA! Que episisódio excelente né ?!
Tem horas que eu me arrependo de falar que Lost perdeu o brilho...De um modo geral, essa temporada foi meio estranha, mas como estamos falando desse episódio, não tem como criticar...xD
Agora é esperar pela season finale, que promete enlouquecer TODO MUNDO!!! Uhuu...xD
Bjos, até mais...

J.J. disse...

Oi Ká,
Pela primeira vez eu senti um certo medo ao ver Locke atuar como líder e mestre. Sempre ele foi tranparente mas agora... matar Jacob?

Adorei sua posição quanto ao Jack. Ele teve seus momentos em q eu o detestava, mas nesse capítulo ele disse uma frase que NUNCA, JAMAIS imaginei que ele fosse dizer, foi algo como: "Talvez esse seje o nosso destino."
Por tantas vezes fiquei do lado de Lock, o homem da fé. Sempre confiei mais nele. E agora parece que Jack irá deixar de ser o homem da ciencia, e passara a acreditar um pouco mais no destino.

T+

Mais e mais

Related Posts with Thumbnails